O Todesca está na janela apreciando a paisagem...

O Todesca está na janela apreciando a paisagem...

Expresso do Oriente

Expresso do Oriente

Todos a bordo

Todos a bordo

Restauração e colorização de fotografias.

Restauração e colorização de fotografias.
Caros amigos sem véus e com véus. Com muito gozo divulgo os valiosos préstimos profissionais do meu estimado amigo Reinaldo Elias, que tornou-se um tarimbado especialista em restauração e colorização de fotografias. Pelo criterioso trabalho, que envolve pesquisa e arte os preços cobrados pela restauração e colorização são módicos. Para solicitarem os valiosos préstimos profissionais entrem em contato com o meu querido amigo através do endereço eletrônico: rjelias200@yahoo.com.br Meus outonais olhos estão em água ao lembrar do já distante ano de 1962, quando minha amada e saudosa mãe me levou a uma filial das Casas Pirani, que ficava na Avenida Celso Garcia, para que seu bebezinho nº 6 fosse eternizado nesta fotografia. Embarcamos num trem de subúrbio, um reluzente trem prateado, na Estação de Santo André e desembarcamos na Estação paulistana do Brás. Lembro como se fosse hoje que levei um beliscão da minha genitora, porque eu queria a todo custo embarcar num bonde para chegar as Casas Pirani. Como eram poucas quadras de distância fomos caminhando até o paraíso do consumo. Saudades das Casas Pirani... Ontem, contei ao meu dileto amigo Gilberto Calixto Rios da minha frustração de nunca ter embarcado num bonde paulistano, que para o meu profundo desencanto teve a última linha desativada no ano de 1968, quando estávamos no auge dos nefastos e malditos anos de chumbo. No ano que fui eternizado nesta fotografia fazia sucesso estrondoso na fascinante Arte das Imagens em Movimento a película "Rome Adventure", aqui intitulada "Candelabro Italiano": https://www.youtube.com/watch?v=yLqfxLPga2E que assisti no extinto Cine Carlos Gomes, na condição de vela zeloso das minhas amadas irmãs mais velhas, a Dirce Zaqueu, Jô Oliveira e Maria Inês. Também no ano de 1962 minha diletíssima e saudosa cantora Maysa (1936-1977) deixava sua legião de fãs enternecida com a canção: https://www.youtube.com/watch?v=BeJHOAbkJcg Mãe, sempre te amei, amo e amarei. Saudades... Saudades... Saudades... Caloroso abraço. Saudações emocionadas. Até breve... João Paulo de Oliveira Um ser vivente em busca do conhecimento e do bem viver sem véus, sem ranços, com muita imaginação e com muito gozo. PS - Apesar dos pesares acho que continuo um petiz sonhador e esperançoso de um novo dia aos moldes da inesquecível personagem Scarlett O' Hara... Max, traga meus sais centuplicado.

Miniconto

Miniconto
Depois que minha neta me eternizou nesta fotografia o telefone tocou. Ao atender a ligação fiquei aterrorizado ao reconhecer a voz de Hades...

Mimo da Monika

Mimo da Monika
O que nos espera na próxima estação?

A viagem continua

A viagem continua
O quie nos espera na próxima estação?

Lambisgoia da Agrado

Lambisgoia da Agrado
Caros confrades/passageiros sem véus e com véus. A lambisgoia da Agrado, aquela mexeriqueira mor que tudo sabe e tudo vê, me surpreendeu porque não a vi trepar (nem preciso dizer que ela adora o outro significado deste verbo principalmente no presente do indicativo) no topo da locomotiva para se exibir e me ofuscar. Caloroso abraço. Saudações exibidas. Até breve... João Paulo de Oliveira Um ser vivente em busca do conhecimento e do bem viver sem véus, sem ranços e com muita imaginação.

Fonte: arqtodesca.blogspot.com.br

Fonte: arqtodesca.blogspot.com.br
Caros confrades passageiros. O pertinaz duende Himineu, que trabalha - com muito afinco para o Todesca - captou e eternizou o momento que a lambisgoia da Agrado, aquela mexeriqueira mor que tudo sabe e tudo vê, estava reflexiva a apreciar a paisagem no vagão restaurante do Expresso do Oriente sob meu comando. Caloroso braço. Saudações reflexivas. Até breve... João Paulo de Oliveira Um ser vivente em busca do conhecimento e do bem viver, sem véus, sem ranços, com muita imaginação, autenticidade e gozo.

Fonte: arqtodesca.blogspot.com.r

Fonte: arqtodesca.blogspot.com.r
Todos a bordo... A viagem continua...

Blogs todeschinianos

Blogs todeschinianos
Fonte: arqtodescadois.blogspot.com.br "Sonhei que o vagão joaopauloinquiridor.blogspot.com havia caído de uma ponte que ruíra... Mas, foi só um pesadelo..." Caros confrades/passageiros! Não me canso de divulgar os imperdíveis blogs do Todesca: arqtodesca.blogspot.com.br arqtodescadois.blogspot.com.br que são Oásis num deserto de alienação cibernética. É louvável a pertinácia deste notável, tarimbado e erudito ser vivente, que brinda seus felizardos leitores com ecléticas publicações que deixam patente sua vasta erudição e bem viver. Caloroso abraço. Saudações todeschinianas. Até breve... João Paulo de Oliveira Um ser vivente em busca do conhecimento e do bem viver, sem véus, sem ranços, com muita imaginação, autenticidade e gozo.

Continuo a espera de Godot...

Continuo a espera de Godot...
Saudações dionísicas.

Saudações leitoras.

Saudações leitoras.

Seguidores

sexta-feira, 31 de julho de 2009

























Esta fotografia foi tirada no Foto Muito Bom, na minha cidade de nascença Santo André-SP, no dia 26/05/1963, quando cumpri o rito católico da Primeira Comunhão.
Na verdade gostaria de ter nascido numa família judia!!!!!!!!!... Se este auspicioso fato tivesse ocorrido, minha lembrança seria três anos depois com o Bar Mitzvá!!!!..
Fico a divagar, se tivesse a prerrogativa de chegar, neste maltratado e fascinante mundo que vivemos, numa família judaíca e não numa que seguia os preceitos da fé católica, como teria sido meu modo de vida!!!!.. Lembro de uma vez, quando eu era pequenino, que passei na Rua Coronel Agenor de Camargo esquina com a Rua Siqueira Campos, onde tinha uma Sinagoga, onde vi alguns meninos com quipá, claro que na época não sabia o nome, e disse para minha adorada e saudosa mãe que queria um igual, bem como entrar naquele local... Nunca tinha visto antes minha adorada e saudosa mãe tão exasperada, porque além do beliscão que levei, que até hoje o sinto, ela disse que quando chegasse em casa, que esperasse a bela sova que levaria, o que de fato aconteceu... Cada palmada que eu levava, ela dizia: - Nunca mais diga uma blasfêmia desta!!!!... Claro que só aguçou minha curiosidade primaveril, porque logo depois descobri que tinha uma programa televisivo chamado "Mosaico na TV", que sempre que podia assistia sorrateiramente e fiquei mais intrigado ainda, porque o que via na televisão eram pessoas, que levavam um modo de vida corriqueiro, mas que professavam outra fé!!!!!... Sinto frêmitos inefáveis ao lembrar do pavor que tinha do pseudo inferno e de outros males que a perniciosa religião católica, além das odiosas confissões, causava na mente de um inquieto pequenino, que não entendia e ainda não entende, porque estamos aqui!!!!.. Quatro meses e onze dias, após o celuloide ter eternizado este momento carola, o presidente John Fitzerrald Kennedy foi assassinado em Dallas, no Estados Unidos, causando comoção mundial!!!... Nunca me esqueço da cena do assassinato, repetida incontáveis vezes na televisão!!!!... Também me deleitava, assistindo na televisão a série "Papai Sabe Tudo"!!!!!!!!... Que família adorável era a do Sr Anderson, que sempre ao chegar em casa, dizia: - Margareth, cheguei!!!!... Então sua sempre sorridente e impecavelmente vestida esposa, o recebia calorosamente!!!... Seus irriquietos filhos: Beth, Buddy e Cathy tambem o veneravam!!!!... Nunca me esqueço de um episódio, onde a esposa e filhos do Sr Anderson, reclamavam que sua confortável casa, típica de classe média americana, precisava de reparos e novos utensílios domésticos!!!... A seguir vão passar um final de semana um local remoto, onde as acomodações eram precaríssimas!!!!... Claro que não veem a hora de retornarem para sua então criticada casa!!!!... Ao chegarem ficam deslumbrados com sua casa e percebem que ela não era precisava de tantos reparos e nem utensílios domésticos novos!!!!... Naquela época eu não entendia o motivo da religião deles não ter padre!!!!... Em pensar, que enquanto me deleitava com este enlatado americano, a realidade era bem hostil e belicosa, porque o nosso maltratado e fascinante mundo vivia sob a égide da guerra fria e sob a ameaça iminente de uma guerra atômica!!!!!...Max!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!... Traga meus sais centuplicado!!!!!!!!!... Valha-me, depravada Santa Efigênia dos Caracóis Desesperados!!!...


Minha deusa das deusas inigualável Gene Tierney!...

quarta-feira, 29 de julho de 2009

As tentações do Dr Antonio!...

video

Aprecio sobremaneira a película Boccaccio '70, produzida nos idos anos de 1962!!!... O meu episódio dileto desta película é "As tentações do Dr. Antonio", que o cineasta Federico Fellini nos brindou!!!!... As vezes me sinto o próprio personagem Dr. Antonio, sempre com pensamentos impuros, mas sempre se comportando como mandam os ditames vigentes!!!!... Logo cedo os pensamentos impuros começam, porque quase sempre que tomo o elevador, do condomínio que resido, sobe num andar, que não identificarei, uma distinta e belíssima senhora, que me deixa com palpitações e com o desejo intenso de fornicar com ela ali mesmo!!!... Claro que a cena real é outra, porque sempre estou com a aparência de paisagem e aparentemente absorto na leitura do livro, que não é o Kama Sutra!!!... O perfume que ela usa deixa-a mais sensual ainda!!!... O pior que conheço o marido dela, um senhor muito educado e solícito, que jamais imaginaria que desejo intensamente fornicar com sua distinta e belíssima senhora!!!... Quando o elevador chega no subsolo da garagem, minha paixão avassaladora embarca na máquina rodante dela e eu na minha, espero que ela saia primeiro e depois a sigo, quando chega na esquina ela vira à direita e este reles e degenerado escrevinhador outonal à esquerda, !!!!... Quem sabe num dia, que certamente será glorioso e memorável, acontece de marcarmos um encontro fornicante e picante um dos moteis da Avenida Ricardo Jafet?!... Max!!!!!!!!!!!... Traga meus sais centuplicados e o Rosário Lascivo da depravada Santa Efigênia dos Caracóis Desesperados, porque preciso fazer penitência!!!!!...
No primeiro Bacante Fornicante contemplamos a visita do Marques de Sade ao jazigo da rainha de Sabá, com o escopo de rogar por Onan!!!!!!!!!!...
No segundo Bacante Fornicante contemplamos as posições variadas do Kama Sutra!!!!!!!!!!...
No terceiro Bacante Fornicante contemplamos os bacanais de Calígula!!!!...
No quarto Bacante Fornicante contemplamos os reiterados orgasmos da Mata Hari!!!!...
No quinto Bacante Fornicante contemplamos os poderes afrodisíacos da essência dos testículos de bode!!!!!...
Pronto já estou perdoado por ter pensamentos impuros!!!!!...
Amanhã é o dia que contemplamos as fantasias sexuais!!!!!...






















Por Júpiter, como o tempo urge!!!!!!!!!!!... O que será que eu pensava quando tinha dois anos de idade?!... Será que já tinha pensamentos impuros?!... Em pensar que quando era pequenino, este maltratado e fascinante mundo que habitamos,já vivia sob a égide da guerra fria!!!...

La Cage Aux Folles!!!...

video

Esta série de três películas que no idioma do notável cineasta Jean Cocteau, foi intitulada "La Cage Aux Folles" e no idioma do também notável cineasta Walter Hugo Khoury, recebeu o título "A Gaiola das Loucas", teve como trilha sonora, música inesquecível do grandioso compositor Ennio Morricone, trouxe à baila, de maneira hilariante, as peripécias de um casal homossexual, que nos deixa propensos a encará-lo com a naturalidade que toda a sociedade deveria ter com pessoas que têm esta orientação sexual!!!!... Max!!!!!!!!!!... Traga meus sais centuplicado e diga para a lambisgoia da Agrado, que o Henri está sôfrego para também usufruir os disputadíssimos agrados da Agrado, porque agora serei partícipe de um ménage à trois com duas estoteantes atrizes, que não poderei dizer os nomes, porque senão terei que prestar contas aos homens da Lei!!!!!!!!!!!!...Ulalaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaá!!!!...

segunda-feira, 27 de julho de 2009

MINHA AMADA FAMÍLIA NOS IDOS ANOS DE 1955
















Caros confrades passageiros.
Por incrível que possa parecer, porque eu era bem pequenino, mas me lembro nitidamente desta fotografia, tirada no extinto Foto Muito Bom, na minha amada cidade de nascença Santo André-SP, porque fiz birra, em virtude de não querer ficar sentado no chão. Infelizmente, meus adorados e saudosos pais não estão mais entre nós. 
Que saudades que dá:
- da risada estrondosa do meu adorado e saudoso pai.
- da minha primeira professora, Sirlei da Silva Brumatti, no antigo Grupo Escolar Profª Hermínia Lopes Lobo, na Vila Assunção, que mais parecia uma fada com seu sorriso encantador. Suas aulas eram tão boas que o tempo passava com celeridade.
- do pão com mortadela e guaraná Antártica, que consumia, quando saia com meu adorado e saudoso pai.
- de ficar em pé no banco da frente do automóvel de praça do meu amado e saudoso pai, enquanto ele dirigia para levar-me até a escola.
- da Biblioteca Municipal de Santo André-SP, quando ficava na Avenida Alfredo Fláquer, antes da construção da Avenida Perimetral e da construção do Paço Municipal.
- do sorvete da Kibon, que consumia numa caminhonete amarela, que ficava em frente do Sepulcrário da Vila Euclides, em São Bernardo do Campo-SP, no dia de Finados.
- das primeiras peças teatrais no Teatro Municipal de Santo André-SP: "Mirandolina", "A guerra do cansa cavalo", "Sonho de uma noite de verão", "Casa de Bonecas".
- do portador de necessidades especiais, que descia em desabalada carreira a Rua Coronel Oliveira Lima, com um carrinho de mão, a proferir em alto e bom som: - "Bom dia, Maria, bom dia patrão".
- da cesta de Natal Amaral, com suas preciosas guloseimas, vistas somente nesta época do ano, que minha adorada e saudosa mãe comprava a prestação.
- dos seriados "Papai sabe tudo". Só não entendia, porque na religião deles não tinha padre. "Vigilante Rodoviário", "Histórias Maravilhosas Bendix", "A Feiticeira", "Perdidos no Espaço", "Além da Imaginação", "Rin Tin Tin".
Que saudades que dá de um tempo que nunca jamais em tempo algum voltará...
Max, traga meus sais centuplicado diluídos numa xícara de saudade.
Caloroso abraço. Saudações saudosas.
Até breve...
João Paulo de Oliveira
Um ser vivente em busca do conhecimento e do bem viver, sem véus, sem ranços, com muita imaginação, autenticidade e gozo.

domingo, 26 de julho de 2009


video

Já que a vida é um Cabaret, vamos todos atuar?!...
Sou um professor escocês imortal!!!!... Sim, imortal!!!!!!!!!... Quem me deu a imortalidade foi o Leozinho digo Leonardo da Vinci, em Florença, nos idos anos de 1487!!!!... Até então eu era um voraz apreciador de ostras e tinha ojeriza aqueles que apreciavam caracóis, mas quando vi aquele homem radiante, que me olhou com um olhar penetrante e sedutor, fiquei atônito com minha reação, porque fiquei excitadíssimo... Sim, exictadíssimo!!!!... Quem diria que aos quarenta anos de idade, só apreciando ostras de todos os tamanhos, tipos e viscosidade, finalmente adentrei triunfalmente no mundo dos caracóis pelas mãos ou melhor dizendo pelas partes pudentas do irresistível Leonardo da Vinci!!!!... Vivi com ele por trinta e dois, até o seu óbito, que ocorreu no fatídico dia 02/05/1519... Fiquei desolado por décadas... Neste interstício, entrei para a Ordem dos Jesuitas, não querendo saber nem de ostras, muito menos de caracóis!!!!... Por cem anos, fixei residência na tórrida e insalubre terra além mar, que tem palmeiras e sabiás, levando para o mal caminho digo catequizando aquelas pobres almas nativas, que deixavam suas partes pudendas a mostra com naturalidade!!!!!... Quando o luto de cem anos terminou, voltei para a civilização, deixando de lado aquela horrorosa batina, me estabelecendo na cidade de Viena, onde apreciei concomitantemente ostras e caracóis de todos os tipos, tamanhos e espessuras até a segunda década do século XX, quando mudei para Berlim, onde montei um Cabaret!!!!... Esqueci de dizer que em meados do século XIX recebi um polpuda herança do meu tio avô Stuk, que morava na bucólica cidade de Fulda, que deixou-me riquíssimo, porque com meu tino financeiro, no final do século XIX minha fortuna tinha decuplicado!!!!... Me instalei confortavelmente na Berlim pós período belicoso de 1914-1918, mais precisamente três anos depois da mortal pandêmia que ficou conhecida como gripe espanhola... Sinto-me em casa em Berlim, porque seus habitantes aceitam com uma relativa naturalidade, os apreciadores de ostras e caracóis concomitantemente!!!... Como eu, um devasso professor escocês, que tem uma gaita de fole disputadíssima, conhecida até na distante e gélida cidade de Murmansk!!!!... Minha gaita de fole é disputadíssima, porque consegue dar reiteradas audições sem deixar-me exaurido!!!!... Por mais de dez anos meu Cabaret berlinense, foi o ponto de encontro das pessoas devassas de Berlim e adjacências!!!... As orgias que lá ocorriam eram memoráveis!!!!... Até que galgou o poder, o odioso, nefasto, maldito, nojento, que não ouso pronunciar o nome, que depois contraiu sífilis digo matrimônio com aquela vaca/cadela/rameira/rampeira/vagabunda/biscate/putana/meretriz/ordinária/vômito do Mephisto, a maldita Eva Braun... A partir destes lúgubre acontecimento, que foi a ascenção deste ser infame no poder, a situação começou a mudar para os berlinenses devassos, como eu...
Bem, mas isto é uma outra história que fica para uma outra vez!!!!!!!!!!!.... Max!!!!!!!!!!... Traga meus sais centuplicado!!!!... Onde está a lambisgóia da Agrado?!... Valha-me, depravada Santa Efigênia dos Caracóis Desesperados, clamo pelos seus regos digo rogos para mandar para os quintos dos infernos este maldito homem, que está ficando, a cada dia que passa, mais poderoso e seguido por incontáveis asseclas!!!!!...

video








Assisti a inquietante película "Cabaret" nos idos anos de 1972, no Cine Vitória em São Caetano do Sul-SP!!!... Estávamos no auge dos anos de chumbo!!!!... Tinha brigado com minha namorada (ela ficava me atazanando, porque achava que eu deveria me empenhar mais nos estudos), porque ela era estudante do curso de Letras, na Fundação Santo André e eu, cursava pela segunda vez o primeiro ano do curso colegial, no IEE João Ramalho em São Bernardo do Campo-SP!!!... Naquele cinzento ano de 1972, achava que nada valia a pena, porque o nosso modo de vida poderia virar pó em segundos, por conta da guerra fria, que apregoava que o lançamento da bomba atômica era iminente!!!!!!!!... Isto posto, a vida é um Cabaret, vamos todos atuar?!... Max!!!!!!!!!... Traga meus sais centuplicado, onde está a lambisgoia da Agrado?!!!!... Valha-me, depravada Santa Efigênia dos Caracóis Desesperados!!!!...
video

Minha deusa das deusas inigualável Gene Tierney, ficarei eternamente admirando-a nesta belíssima obra de Arte, tendo a esperança, que quando chegar minha hora de ir para o Olímpo a terei na minha frente, de braços abertos, dizendo:
- Venha, João Paulo, venha!!!!!!!!!!... Irei acompanhá-la, sem titubear, em estado de deleite inefável para servir-lhe uvas e vinhos, bem como atender todos os seus divinais desejos por toda a eternidade!!!!!... Calorosíssimo e apaixonadíssimo abraço, deste reles escrevinhador outonal e insulso professorzinho primário, que além de venerá-la é seu vassalo mor e fã ardoroso n° 1!!!!!... Saudações Tierneyanas!!!... Até breve...


















- Minha deusa das deusas inigualável Gene Tierney, tenho convicção que farei sua personagem Laura, na película que você atuou, nos idos e maravilhosos anos de 1944, esquecer do sofisticadíssimo Waldo que tentou matá-la por duas vezes e acabou morto pelo insulso detetive!!!!... Pense bem, Laura, sua vida ao lado do meu desafeto, o insulso detetive, não terá nenhum glamour, porque você irá morar num daqueles prédios cinzentos do Brooklin!!!!... Terá uma prole numerosa e viverá cercada de pequeninos(as) ranhetas, com pilhas e pilhas de fraldas,dos(as) ranhetas pequeninos, camisas e cuecas samba canção do insulso detetive, para lavar e passar, com ferro de carvão, além de viver com os parcos proventos daquele insulso detetive, que não aceita entrar no esquema de corrupção da Delegacia da 3ª Avenida!!!... Pense bem, Laura, já pensou ficar sem calefação no inverno?!!!... Ah!!!... Soube de fontes fidedignas, que o insulso detetive sobre de flatulência e ejaculação precoce, além de ter chulé e só toma banho duas vezes por mês!!!!!!!!!...
Laura ouve atentamente minha explanação e ao final dá um grito de horror, porque finalmente percebe que sua vida ao lado do insulso detetive não terá nenhuma classe!!!... Como o sofisticadíssimo Waldo deixou um testamento, nomeando-a como sua única herdeira, Laura abre os braços e diz:
- Venha João Paulo, meu amado imortal, vamos viver felizes para sempre no requintadíssimo apartamento do falecido Waldo!!!... Você pode solicitar exoneração dos dois cargos públicos que exerce, porque além do requintadíssimo apartamento na 5° Avenida, Waldo deixou-me em espécie U$15.000.000!!!!!!!!!!!!!... Venha, meu amado imortal João Paulo, venha para os meus braços!!!... Não vejo a hora de fornicar com você reiteradas vezes!!!!!!!!!!!!...
Depois de se recuperar do breve faniquito que teve, João Paulo vai para os braços de Laura e sente frêmitos inefáveis, ao vislumbrar a vida deslumbrante que terá ao lado da sua amada imortal e diz:
- Minha amada imortal, não posso acreditar nos meus outonais ouvidos, será que estou sonhando?
Laura diz:
- Não meu amado imortal, você não está sonhando não!!! Vamos para o apartamento que recebi de herança do falecido Waldo!!!!...
Chegando no requintadíssimo apartamento, agora de Laura, João Paulo a beija ardentemente e os dois começam a retirar, com celeridade, as indumentárias que cobrem seus corpos ardentes...
João Paulo, após as reiteradas fornicações diz:
- Não posso acreditar que vivi todos estes anos sem você, minha amada imortal!!!!...
Laura coloca um belíssimo robe de seda e coloca na radiovitrola a música tema da película "Laura" e diz:
- Venha, meu amado imortal, João Paulo, venha dançar comigo!!!!!...
João Paulo, quando vai sôfrego para os delicados braços de Laura sente uma dor intensa no braço esquerdo e falta de ar...
Bem, mas isto é uma outra história que fica para uma outra vez!!!!!...

Agora é a hora dos nossos comerciais:

Estrela brasileira no céu azul
Iluminando de Norte a Sul
Mensagem de amor e paz
Nasceu Jesus
Chegou o Natal
Papai Noel voando a jato pelo céu
Trazendo um Natal de felicidade
E um ano inteiro cheio de prosperidade
Varig, Varig, Varig!!!!... Cruzeiro, Cruzeirooo!!!!...

De noite ou de dia
Firme no volante
Vai pela rodovia
Bravo Vigiliante
V I G I L A N T E  R O D O V I Á R I O!
Pise sem dó é cera dominó!!!!...
Mappin, venha correndo Mappin
Chegou a hora Mappin
É a liquidação!!!!!...

sábado, 25 de julho de 2009
















O professor de Filosofia, Pablo Gutierrez, depois que ministrou aulas na Universidade de São Paulo, embarcou num bonde, na Avenida São João, com destino a Avenida Angélica, mais precisamente no Convento das Redentoras Humilhadas, onde reside a devassa irmã Nazareth, que também é amante da Madre Superiora deste Convento!!!... A devassa irmã Nazareth também pertence a Ordem das Filhas de Maria sem calcinhas!!!... Estamos no final da primavera do ano de 1949, a Companhia Cinematográfica Vera Cruz foi inaugurada no início do mês em curso, mais precisamente no dia 04/11... A belíssima Eleonora, que Pablo Gutierrez, conheceu ontem a noite no Nick Bar, adotou o pseudônimo de Lola Brah, a seguir a levou na sua garçonnière, na Rua Mato Grosso, onde teve um inefável ménage à trois, com a Lola Brah e o amante de Pablo Gutierrez, o padre Manollito... Não percam, ouvintes da rádio São Paulo, o segundo capítulo da saga: "AS PERIPÉCIAS DE UM PROFESSOR DE FILOSOFIA DEVASSO!!!..." Esta radionovela tem o patrocínio do Regulador Xavier e Xarope São João!!!!...
Um dois!!!... Um dois!!!!... Com regulador Xavier, um dois!!!!... Vive melhor a mulher!!!!..

Trim!!!!!!!!!!!!... Trim!!!!!!!!!... Trim!!!!!!!!!!...
- Alô!!!!... Quem fala?
- É a tosse!!!!... Coff... Coff. Coff...
- Como vai a senhora, dona Tosse, aqui quem fala é o Xarope São João!!!!...
- Alô!!!!!!!... Pronto!!!!... Fugiu eh!!!!... É sempre assim!!!!... Para tosse, bronquite ou rouquidão, tome Xarope São João!!!!...

segunda-feira, 20 de julho de 2009















Ao terminar um livro, fico sôfrego para começar a leitura de outro livro, porquea única certeza que tenho é que sei que nada sei!!!!!!!... Max!!!!!!!!!!!!!!... Traga meus sais centuplicado!!!!...


















Por que há existência, quando poderia não haver nada?!...























Este baile foi inesquecível!!!!!... Que deleite inefável se este fato realmente tivesse acontecido no mundo real!!!!!...

Olá!!!!!!!!... Como vai você?!... Estou sempre propenso a estreitar laços com pessoas argutas!!!!...


Você nem imagina como esta tarde, que captou e eternizou este momento foi inesquecível!!!!...
























Um brinde as pessoas argutas e de bem com a vida!!!!!!!!!!...

domingo, 19 de julho de 2009
























Em edição extraordinária o jornal Notícias Populares informa que o Juca Pato foi preso, porque foi pego em flagrante fazendo maracutaias com o bebê-diabo.

terça-feira, 14 de julho de 2009



Ulalaaaaaaaaaaaaaaaaaá!!!!... Max!!!!!!... Traga meus sais centuplicado, porque tive um ménage à trois inefável com esta fogosas portenhas, Guadalupe e Soledade, numa tarde "caliente" que passei no bairro La Boca, no mês de de outubro do ano findo!!!!... (João Paulo, deixa de ser mentiroso, porque estas valorosas portenhas estavam trabalhando honestamente posando para fotografias, com abobados turistas, como você!!!... Vá fazer penitência, seu degenerado!!!... Diga 500 vezes que você não viu o nosso presidente Luiz Inácio Lula da Silva cumprimentando efusivamente o ex presidente Fernando Collor de Mello!!!!!!!!!!!.... Pronto, você está perdoado!!!!...)


Ela aceitou!!!!!!!!!!!!!!... Max!!!!!!!!!... Traga meus sais centuplicado!!!!!... Muitíssimo obrigado Santa Efigênia dos Caracóis Desesperados, por atender meus rogos digo regos!!!!!!!!!!!...






Estas são as ilustrações do Brasinha, que me tem como pupilo!!!!...


Que deleite inefável, se esta fotomontagem de fato tivesse sido um fato!!!!!!!... Tim Tim, minha amada imortal!!!...



Minha amada neta, você é a razão da minha insulsa existência!!!!!!!!... Não vejo a hora que você tenha as competências leitora e escritora!!!!... Lembra, semanas atrás, quando lhe perguntei se você falaria de mim para os seus bisnetos?!!!!... Você respondeu com a maior naturalidade do mundo: - Mas, vovô eu não tenho filhos?!!!!...


Minha amada imortal, que deleite inefável seria, se este insulso professorzinho primário, tivesse a prerrogativa de ter compartilhado sua radiante existência!!!!... Afetuosíssimo e apaixonadíssimo abraço deste reles escrevinhador outonal que é seu vassalo mor e fã ardoroso n°1!!!!!!!!!... Te amarei por toda eternidade, minha amada imortal!!!!...



Minha deusa das deusas inigualável Gene Tierney, vamos trocar os papeis naquela película memorável que você atuou "O fantasma apaixonado", você personifica o papel da fantasma apaixonada e eu, este reles esrevinhador outonal, que vai ocupar sua morada, quando você estava entre nós... No final da película, você vem do Olimpo para me buscar, dizendo: - Venha João Paulo, venha!!!... Irei em estado de deleite inefável, para servir-lhe uvas e vinhos bem como para atender todos os seus divinais desejos por toda a eternidade!!!!!!!!!!!!... Afetuosíssimo e apaixonadíssimo abraço do seu vassalo mor e fã ardoroso n° 1 que jamais deixará sua memória cair no esquecimento!!!!!!!!!!!!!!... Te amarei por toda a eternidade, minha amada imortal!!!!!!!!!!!!!...



Que a deusa da Justiça e da Sabedoria nos tenha como pupilos sempre!!!!!!!!!!!...



















A vida é um Cabaret, vamos todos atuar?!...
Max!!!!!!!!!... Traga meus sais centuplicado!!!!...
Valha-me depravada Santa Efigênia dos Caracóis Desesperados, clamo pelos seus regos digo rogos para tentar desvendar os mistérios até agora insondáveis, que não desvelam por que somos como somos, bem como nossa insulsa existência!!!!!!!!!!!...

















Minha deusa das deusas a inigualável Gene Tierney!!!!!!!!!!!!!... Serei por toda a eternidade seu vassalo mor e fã ardoroso número 1!!!!!!!!!!!!!!!!!...

domingo, 12 de julho de 2009

Vamos nos atrever a criar um Roteiro Almodoviano?!...

Prezados(as) confrades:
O pretenso Roteiro Almodoviano (quem me dera ter um miléssimo da criatividade do meu dileto e notável cineasta espanhol Pedro Almodóvar) é uma obra de ficção que não tem a mais remota ressonância com a realidade. Qualquer semelhança com pessoas vivas ou falecidas terá sido mera coincidência. Peço para as asseclas das beatas senhoras de Santana, que não continuem a leitura para não terem que reclamar ao Bispo.


AS PERIPÉCIAS DE UM PROFESSOR DE FILOSOFIA DEVASSO

Uma noite paulistana do final dos anos 40, do século findo, mais precisamente no final de uma primavera fria e chuvosa do ano de 1949. Um vento gélido açoita meu rosto, quando desço do bonde na parada próxima da Avenida São João com a Avenida Ipiranga, levanto a gola da minha capa de gabardine, ajeito o chapéu para enfrentar a garoa intermitente e caminho em direção a Rua Major Diogo, para frequentar mais uma vez o Nick Bar, que fica lotado após as encenações da peça "A Mulher do Próximo", com a novata e promissora atriz Cacilda Becker encabeçando grande elenco. Poderia descer do bonde mais próximo do Teatro Brasileiro de Comédia, mas prefiro fazer um "footing", nas imediações dos cinemas Marabá e Ipiranga, que ficam com filas intermináveis, para assistirem as películas em cartaz. Neste ínterim vejo fitando-me com olhares lânguidos um casal impecavelmente vestido, que saem da fila e vem em minha direção. Meu coração começa a acelerar freneticamente, bombeando sangue para o até então flácido pênis, que fica completamente entumecido ao ver aquele vistoso casal. Ainda bem que minha capa de gabardine está abotoada. Quando eles se aproximam, cumprimentam-me calorosamente dizendo que me conhecem do Nick Bar, ela diz em nome do casal, que me acha muito atraente e deseja uma tórrida noite de amor comigo, sendo presenciada pelo seu marido, que após as preliminares também participaria. Prontamente aceito o convite para a ménage à trois. A atraente mulher me informa que residem na Avenida São Luiz, que fica a poucas quadras do local onde nos encontramos. Ao chegarmos no edifício, nitidamente de pessoas da classe média alta, nos dirigimos rapidamente para o 12º andar, quando somos recebidos por um copeiro, que me olha estranhamente como se me conhecesse.Vamos para o suntuoso quarto e iniciamos a tórrida e devassa noite de amor, que nos deixou exauridos ao final. Após este inefável noite, todas as terças-feiras, nos encontramos para mais uma noite de devassidão. O marido dela ficou tão inebriado com o meu desempenho, que diz que não consegue mais fornicar com sua esposa sem a minha participação.
Deixem-me apresentar: meu nome é Pablo Gutierrez. Sou professor de Filosofia, na Universidade de São Paulo. Tenho 39 anos. Nasci na Rua Manoel Dutra n° 221, no bairro da Bela Vista, no ano que o Cometa de Halley passou pelo nosso maltratado e fascinante mundo que vivemos. A parteira que me trouxe à luz profetizou para minha adorada e saudosa mãe, a Sra. Encarnación Mendoza Gutierrez, que seu rebento que acabara de chegar, teria uma peculiaridade em consequência da passagem do Cometa de Halley, que ela não ousaria proferir. Meu pai morreu antes do meu nascimento, vítima de tétano... Sou filho único. Minha mãe, com muita dificuldade, me criou exercendo o ofício de professora primária no atual Instituto de Educação Caetano de Campos. Como era católica fervorosa, internou-me no Colégio Salesiano, no bairro dos Campos Elíseos, para que eu me tornasse padre (que horror), mas não me ordenei padre, porque fui flagrado, pelo padre Inspetor, com o já então padre Manollito em atos libidinosos, no armário da Sacristia. Claro que fui expulso e todos estes fatos deleitantes foram abafados pelos zelosos padres Salesianos. Não posso negar que tive uma sólida educação, tanto formal como sexual naquele recinto saco, digo, sacro. Apesar de não me tornar padre, minha formação permitiu-me exercer o ofício de professor de Filosofia. Em 1932, quando a capital paulista estava mergulhada no período belicoso, que ficou conhecido com a Revolução de 1932, contrai sífilis,, digo matrimônio com a já então Fiscal de Rendas, da Secretaria da Fazenda, Marieta Alonso, que após o matrimônio passou assinar Gutierrez. Temos uma única filha de 16 anos, a Guadalupe Alonso Gutierrez, que estuda em Salamanca, no reino distante além mar, chamado Espanha, num rígido internato católico. Sabe quem celebrou nosso casamento? O Padre Manollito, na Igreja da Santa Efigênia. Será que preciso dizer que sou bissexual. Isto mesmo, bissexual. Esta era a profecia que a parteira que me trouxe à luz não ousou verbalizar para a minha adorada e saudosa mãe, que morreu no ano do meu casamento, vítima de um morteiro lançado nas proximidades da Igreja da Santa Efigênia, naquele fatídico ano belicoso paulistano... Seu corpo mutilado foi sepultado na Sepulcrário da Consolação.
Mas voltando a noite fornicante que tive um ménage à trois com aquele fogoso casal. Na manhã seguinte, quando desço do suntuoso edifício, localizado na Avenida São Luíz e saio à rua, vejo uma cena que me causa frêmitos inefáveis... Uma multidão se aglomera à frente de um bonde que acabara de atropelar um padre, que tentara embarcar no transporte coletivo em movimento e teve a barra da sua batina enroscada no estribo do bonde. Quando me aproximo, vejo caído no chão, com a tíbia esquerda exposta, meu amante, o padre Manollito. Os homens da Lei da Força Pública prontamente o socorrem e o levam para a Santa Casa de Misericórdia, no bairro da Santa Cecília. Por coincidência é plantão da irmã Nazareth, que fica estupefata ao se deparar com a  entrada, no setor de emergência daquele conceituado nosocômio, o seu também amante Padre Manollito. Prontamente ela o despe e o prepara para o Centro Cirúrgico. Neste ínterim, chego na Santa Casa de Misericórdia, conduzido pelo meu chauffer de praça, Ernesto Calzavarra.
Ernesto Calzavarra é pederasta, mas ninguém do seu convívio social tem a mais remota ideia da sua predileção sexual, porque ele tem uma aparência máscula, farto bigode, 1,83 m. Ele também estudou no colégio Salesiano do bairro dos Campos Elísios, mas foi expulso, quando cursava o ginásio, porque foi flagrado fazendo felação, no professor de Canto Orfeônico. Ele me deseja intensamente, mas por ora só mantenho com ele uma relação comercial.
O Ernesto mora na bairro do Cambuci, mais precisamente na Rua Teodoretto Souto nº 131. Vive com sua irmã, Ernestina Calzavarra, que é arrumadeira do casal que mantenho um ménage à trois. Horas depois, o Padre Manollito se recupera na enfermaria daquele nosocômio, sob os cuidados da irmã Nazareth.
Irmã Nazareth vive no Convento das Redentoras Humilhadas, que fica na Avenida Angélica, bem próximo da Praça Buenos Aires. Ela também é bissexual e é concomitantemente amante do padre Manollito e da madre superiora, irmã Celestina..Ela não mede esforços para o restabelecimento pleno do padre Manollito. Duas semanas depois ele recebe alta do nosocômio.
Um mês depois ele retira o gesso e se restabelece da fratura na tíbia. Começa novamente, na Igreja da Santa Efigênia, encenar o espetáculo, digo, Missa. Claro que a irmã Nazareth está sempre na primeira fila, digo, primeiro banco para acompanhar a encenação, digo, celebração do saco, digo, Santo Ofício. Ela sempre embarca no bonde, que trafega pela Avenida São João, para retornar ao Convento das Redentoras Humilhadas.
Tenho uma garçonnière na Rua Mato Grosso, de onde avisto, no Sepulcrário da Consolação, o jazigo da memorável Domitília de Castro Canto e Melo, mais conhecida como Marquesa de Santos. Recentemente tive um ménage à trois com o meu amante, o padre Manollito e a insaciável irmã Nazareth na minha garçonnière (claro que esta fato fornicante aconteceu, após a recuperação plena do o padre Manollito). Foi altamente excitante vê-los, somente com suas indumentárias lascivas, digo, sacras, cobrindo seus corpos ardentes. Quase tive um orgasmo involuntário, quando observei os asseclas do omisso Pio XII, despindo suas indumentárias  sacras, clamando pela ressureição da amante dileta do nosso garboso Imperador D. Pedro I. A irmã Nazareth sentiu frêmitos inefáveis ao ser possuída, concomitantemente, pelo meu amante, padre Manollito e eu, de maneira que nossos órgãos entumecidos se encontrassem - gloriosamente - nas suas entranhas pudendas. Aprecio sobremaneira iniciar as fornicações na minha garçonnière, observando o jazigo da mulher, que além de amante do nosso saudoso Imperador D. Pedro I, também foi esposa de Rafael Tobias de Aguiar. Após este deleitante menáge à trois, meu chauffer de praça, o Ernesto Calzavarra, está aguardando, estacionado com seu veículo, em frente do edifício, os fornicantes para levá-los em suas moradas.
Ernesto Calzavarra deixa primeiro a irmã Nazareth no Convento das Redentoras Humilhadas, que fica próximo da Praça Buenos Aires, depois deixa o meu amante, o padre Manollito, na casa masturbal, digo, paroquial, que fica atrás da Igreja da Santa Efigênia. Quando lá chegamos, vemos a Hortência Rollo, na janela de seu apartamento, que ao ver o meu amante, o padre Manollito, descer do cadillac, ano 1941, do meu chauffer de praça, Ernesto Calzavarra, acena com um lencinho branco, manchado de batom vermelho.
Hortência Rollo já ficou viúva quatro vezes. Pelo fato de ter ficado viúva quatro vezes, seu patrimônio centuplicou, tornando-a deste modo uma mulher riquíssima, que tem imóveis alugados por toda a área central e adjacências da capital paulista, além de dezenas de imóveis na Praia do Gonzaga, em Santos-SP, sem contar as ações na Bolsa de Valores. Apesar de seus inúmeros imóveis, ela prefere passar a maior parte do tempo, neste ao lado da Igreja da Santa Efigênia, porque também nutre uma paixão avassaladora pelo meu amante, o padre Manollito. Ela pertence a Ordem das Filhas de Maria sem Calcinhas. Isto mesmo, estas devotas senhoras vão ao ambiente saco, digo, sacro assistir o espetáculo, digo a Missa sem calcinhas. Claro que a irmã Nazareth também pertence a esta Ordem. A distinta senhora, Hortência Rollo, também é bissexual, mas sua predileção dileta é fornicar com serviçais, como por exemplo: a copeira, o leiteiro, o encanador, o eletricista, a lavadeira, a arrumadeira, o porteiro. Enfim, nenhum deles escapam da sua alcova. Mas é claro que ela também aprecia, sobremaneira, fornicar com o padre Manollito. Esqueci de dizer que no edifício, onde fica minha garçonnière, ela é proprietária da maioria dos apartamentos.
Depois que deixamos o meu amante, o padre Manollito na casa masturbal, digo, paroquial, Ernesto Calzavarra me leva no meu apartamento que fica na Rua Rego Freitas. Quando entro no meu apartamento, vejo minha esposa Marieta, absorta na leitura do livro Cacto Vermelho, da jovem e promissora escritora Lygia Fagundes Telles, publicado pela Editora Mérito. Ela deixa o livro de lado ao me ver adentrar no recinto e me abraça calorosamente e começa a tirar minha indumentária. Fico excitado novamente e vamos para o nosso aposento... Na manhã seguinte, após tomar o café da manhã, servido por nossa copeira, Genésia, antes de sair para ministrar minhas aulas de filosofia na Universidade de São Paulo e ela se preparando para mais um dia de trabalho na Secretaria da Fazenda, o telefone começa a tocar: TRIM TRIM TRIM, Genésia atende a ligação... Quando Genésia atende a ligação é interrompida.
A seguir o telefone começa a tocar novamente TRIM TRIM TRIM, desta vez sou eu que atendo a ligação... Quem está do outro lado da linha é a Jandira Esteves, pseudo beata da Ordem das "Filhas de Maria sem Calcinhas", também frequentadora da Igreja da Santa Efigênia e sôfrega para fornicar com o meu amante, o padre Manollito, ela deseja falar com minha mulher Marieta. Passo o telefone para a Marieta, que fica excitada ao ouvir a voz da Jandira, porque as duas são amantes...

Bem, mas isto é uma outra história que fica para uma outra vez... Não percam o segundo eletrizante capítulo AS PERIPÉCIAS DE UM PROFESSOR DE FILOSOFIA DEVASSO!

Missiva póstuma para o meu saudoso e dileto amigo Wanderley dos Santos II

Missiva póstuma para o Wanderley dos Santos II Caríssimo amigo Wanderley: EXTRA!... EXTRA!... EXTRA!... Deculpe-me chegar a sua presença desta maneira afoita, que mais parece de um pequenino travesso, que ganhou um abraço afetuoso da sua primeira professora, mas estou num júbilo de tal forma exacerbado, que não poderia deixar de ficar assim, sabe por quê?!... Quer saber mesmo?!... Lembra daquele padre, que você me dizia que pesquisava no Arquivo da Cúria Metropolitana de São Paulo, que era fã ardoroso digo devoto fervoroso da Nossa Senhora de Guadalupe, que ao encontrar um dado novo para sua pesquisa dizia: - Valha-me Nossa Senhora de Guadalupe, proferindo em alto e bom som?!... Pois é, meu caríssimo amigo Wanderley, no meu caso direi: - Valha-me minha deusa das deusas, inigualável Gene Tierney, porque quer mesmo saber?!... Está bem, Wanderley, vou lhe contar!!...Finalmente a cidade que você tanto amava, que o acolheu até o fatídico dia da sua ida para o Olimpo, vai homenageá-lo!... O nobre prefeito, daquela cidade, o ilustre cidadão francano, Sr. Sidney Franco da Rocha, vai denominar uma sala no Arquivo Municipal, que você criou, com seu nome!... Eu sabia que você daria este sorriso de modéstia, que lhe é peculiar!... Não diga que você não merece, porque senão colocarei no seu encalço os leões da Metro, bem como a mulher da Columbia com a tocha!... Folguedos a parte, benfeito digo espero que esta sapiente decisão deste arguto prefeito, sirva de exemplo para os mandatários maiores do Poder Executivo das cidades da Região do Grande ABC, porque o chefe do Poder Executivo do município, que acolheu seus filhos, quando eles vieram à luz, tomou a iniciativa primeiro em resgatar sua memória!... Ah!!... Desculpe-me, porque fiquei tão sôfrego em dar-lhe a auspiciosa notícia, que não disse primeiro que a decisão do prefeito tornar-se-á um fato graças ao empenho dos valorosos cidadãos: Edward de Souza, Ademir Medici e Édison Motta, que com suas pertinácias souberam articular ações para esta justa homenagem viesse a se concretizar!... Tenho certeza que você também apreciaria o convívio com o Edward, porque embora não o conheça em carne e osso, percebo pela sua escrita, que é também um ilustre cidadão!... Ah!... Claro que tenho que lhe contar esta!... Lembra da outra missiva póstuma que lhe enviei?!... Pois é, dileto amigo, fiquei surpreendido com a repercussão dela, quando o Edward a publicou o seu blog; mais ainda em saber que o meu conterrâneo, o arguto e conhecidíssimo Édison Motta ficou emocionado com a missiva!... Você viu?!... Graças a você, meu círculo de amizades está aumentando!... Ah!... Voltando a falar no mundo cibernético, ele parece gilete, porque concomitantemente ele nos descortina um mundo fascinante, repleto de pessoas argutas, também nos deparamos com tanta mediocridade que tenho certeza o assustaria!... Estou encantado com o blog do Edward, porque encontro pessoas que estão na mesma sintonia, que este reles escrevinhador outonal, isto é, na 103.3 Cultura FM!... Falando em cultura, ontem a tarde, fui a minha dileta Livraria Cultura, da Avenida Paulista!... Você nem imagina como cresceu a lvraria do Pedro Hertz, porque tornou-se uma suntuosa mansão dedicado ao saber, com filiais em outros locais!!... Na verdade era para ir hoje, depois que eu saisse do meu trabalho fora do horário, mas como tive um tempo livre antes de uma formação em serviço, dei uma fugida até lá, porque não via a hora de ir comprar o livro "A sombra do Vento", indicado pela arguta confrade do blog, Nivea Andres, mas como sempre saí de lá com mais livros, porque comprei também "A grande história da Evolução", do escritor Richard Dawkins, que virá a Parati-RJ para divulgar seu livro!... Sou assecla deste notável escritor, porque estamos na mesma sintonia!... Também comprei os dois últimoa livros do meu amigo, o Prof Dr Gabriel Perissé "Introdução à Filosofia da Educação" e "Estética & Educação"!... Vou mandar a conta para a confrade Nivea!... Folguedos a parte, quero ver como vou disponibilizar meu tempo para estas leituras, levando-se em conta os outros livros que estão na fila de espera!.... Sei que você tem muito tempo livre aí no Olimpo!... Isto posto, caso você encontre a minha tataravó paterna, a Sra. Joaquina Maria do Espirito Santo, que foi para o Olimpo no ano de 1898, diga-lhe que seu tataraneto continua sôfrego para descobrir quem foi o pai do filho dela, o Sr José Pedroso de Oliveira (21/09/1846-13/02/1906)!... Caso você a encontre e resolva esta enigma, diga-me, com a intercessão de Morpheu, quem era este homem que teve a audácia e falta de hombridade em registrar um filho!... Perdoe-me se fui confuso, mas como você bem sabe, começo versando sobre um assunto e quando me dou conta estou falando de outro!... Por Júpiter!... Ainda nem li o periódico "Folha de São Paulo" e tenho que me preparar para ir ao cadafalso digo para o meu ofício!... Você não imagina o bem que me faz, quando utilizo este meio para falar com você!... Acho que não falta muito tempo para que possamos flanar juntos no Olimpo!... Afetuoso e caloroso abraço, deste seu amigo, já outonal, que jamais o esquece!... Saudações emocionadas!... Até breve...

Google+ Badge